top of page

Faça um favor para você mesmo: gerencie a maneira como você lida com o tempo

Você está ocupado? Você sempre parece ter muito o que fazer e nunca termina, ou nunca termina no tempo planejado, ou as coisas são feitas no último minuto sob muita pressão e estresse? Se você é como a maioria das pessoas, a resposta a essas perguntas é SIM!

Bem, eu como professor de gestão compreendo que o tempo precisa ser discutido quando se fala sobre Administração. O tempo é um recurso único e um dos seus recursos mais valiosos. O tempo também é um recurso limitado. Primeiro, se for desperdiçado, nunca poderá ser substituído. As pessoas falam sobre economia de tempo, mas nunca é possível economizar tempo. Em segundo lugar, ao contrário de recursos como dinheiro ou talento, que são distribuídos de forma desigual no mundo, o tempo é um recurso de oportunidades iguais. Cada um de nós recebe exatamente a mesma quantidade de tempo: 24 horas por dia ou 168 horas por semana.


Mas, como você sem dúvida observou, algumas pessoas são muito mais eficientes no uso de sua cota. Não é incomum ouvir pessoas dizerem que precisam de horas adicionais para fazer tudo, mas isso é simplesmente uma ilusão. Comprometa-se a melhorar sua capacidade de gerenciar essas 168 horas para que possa ser mais eficiente e eficaz - em sua carreira e em sua vida pessoal!


Aqui estão algumas sugestões para ajudá-lo a usar melhor seu tempo:

  1. Faça e mantenha uma lista de todas as suas metas atuais, futuras e rotineiras. Saiba o que precisa ser feito diariamente, semanalmente e mensalmente.

  2. Classifique seus objetivos de acordo com a importância. Nem todos os objetivos são de igual importância. Dadas as limitações de seu tempo, você quer ter certeza de dar a mais alta prioridade às metas mais importantes.

  3. Liste as atividades / tarefas necessárias para atingir seus objetivos. Que ações específicas você precisa realizar para atingir seus objetivos?

  4. Divida essas atividades / tarefas em categorias usando uma classificação A, B e C. Os A's são importantes e urgentes. Bs são importantes ou urgentes, mas não ambos. Cs são rotineiros - não são importantes nem urgentes, mas ainda assim precisa ser feito.

  5. Programe suas atividades / tarefas de acordo com as prioridades que você definiu. Prepare um plano diário. Todas as manhãs ou no final do dia de trabalho anterior, faça uma lista das cinco ou mais coisas mais importantes que deseja fazer durante o dia. Em seguida, estabeleça prioridades para as atividades listadas com base na importância e urgência.

  6. Planeje sua lista de tarefas a cada dia para que inclua uma mistura de atividades / tarefas A, B e C. E é melhor espalhar os três tipos de tarefas ao longo do dia para que você não junte todas as suas tarefas exigentes. Além disso, seja realista sobre o que você pode alcançar em um determinado período de tempo.

  7. Reconheça que a tecnologia torna muito fácil permanecer conectado. Pense por um momento em quantas ligações, e-mails, mensagens de texto, postagens nas redes sociais você recebe em um dia normal. Algumas são essenciais para as tarefas em mãos, enquanto outras são distrações que não requerem atenção imediata. Priorize a importância dessas informações.

  8. Perceba que as prioridades pode mudar conforme o seu dia ou semana avança. Novas informações podem mudar a importância ou urgência de uma tarefa. Conforme você obtém novas informações, reavalie sua lista de prioridades e responda de acordo.

  9. Lembre-se de que sua meta é gerenciar a realização de seu trabalho da maneira mais eficiente e eficaz possível. Não é para se tornar um especialista em criar listas de tarefas. Encontre o que funciona melhor para você e use-o!


Fonte: Adaptado de Stephen Robbins e Mary Coulter



bottom of page